Quinta-feira, 14 de Junho de 2012

Lembram-se de quando, no final do ano passado, a Suécia decidiu entregar a administração do seu perfil oficial do Twitter a um cidadão diferente por semana? Na altura, o objetivo assumido era o de “apresentar a Suécia através da mistura de talentos, experiências e opiniões que de facto a constituem”, fazendo da sua conta “a mais democrática do mundo”.

 

Agora, mais de meio ano depois, não há dúvida de que a Suécia tem mantido o espírito de democracia, suportando, mesmo, algumas situações menos favoráveis à sua imagem – incluindo a participação de um cidadão que não hesitou em falar sobre o seu gosto pela masturbação.

 

 

A última crise surgiu esta semana quando a conta foi entregue a Sonja Abrahmsson, de 27 anos. A sueca não se inibiu de exibir uma foto sua sem camisola na imagem de perfil (embora, esclareça-se, cortada ao nível dos ombros) e de fazer comentários menos felizes acerca de judeus e gays, levando a algum desconforto por parte dos seus concidadãos.

 

 

“Qual é o problema dos judeus? Nem se consegue perceber se uma pessoa é judia a não ser que se veja o seu pénis, e mesmo assim não se poder ter a certeza”, escreveu Sonja, entre outros comentários que a levaram a ser acusada de ignorante.

 

“Se é suposto esta pessoa ser uma embaixadora da Suécia, não é desta forma que o deve fazer”, reagiu a presidente do Conselho das Comunidades Judaicas Suecas, acrescentando que deveria haver uma análise dos participantes antes de poderem ocupar o lugar de administradores da página.

 

Mas Sonja não se ficou por aqui. Noutra ocasião, a jovem publicou uma imagem do cantor Freddy Mercury e um prato de morangos, legendando-a: “Encontrei esta montagem no PC, chama-se “gay faminto com sida”.

 

Atento aos protestos que nasceram destes tweets, Sergio Guimaraes, do Instituto Sueco, lamentou que algumas pessoas se possam ter sentido ofendidas com a situação mas sublinhou que o objetivo do projeto é permitir mostrar a diversidade da sociedade sueca, pelo que não tomarão quaisquer medidas para eliminar os comentários de Sonja ou para lhe retirar o título de curadora antes da data prevista.

 

 

Fontes: Exame 

             The Star 

             

             



publicado por blatitudes às 15:48 | link do post | comentar

Links

Site Oficial
Latitudes - Comunicação Integrada de Marketing

Redes Sociais

twitter facebook delicious flickr
Novembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29


Os últimos blá blás

Ao cyberbullying, os estu...

Comunicação cara a cara c...

Laina: a nova sensação do...

Facebook testa novo forma...

Instagram lança perfis na...

W+K lança série de desafi...

Samsung reafirma lideranç...

As piores passwords de 20...

Quase 9 em cada 10 imagen...

Facebook lança páginas gl...

arquivos

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

tags

todas as tags

Networked Blogs
blogs SAPO
Google Analitycs
subscrever feeds